Escrever mais.

Olho para meu blog e começo a pensar que ando escrevendo cada menos. Começo apesar que como posso escrever tão pouco sendo que penso tanto o tempo todo? Chega a ser frustrante um pensamento como esse. Sei que não deve escrever um livro como Moby Dick aqui, mas convenhamos que é ilógico digitar tão pouco quando se tem tanto a dizer. 
Na verdade, sinto como se tudo que deixo aqui é a essência de meus pensamentos. Não é preciso muitas palavras para descrever o que se passa dentro de mim, porém quando digo isso não quero dizer que sou fácil e simples de ler. Pelo contrario, olhe para mim e não saberá se meu sorriso é verdadeiro e se meu estresse é de mentira. Leia meu blog e saberá o que há em partes do meu ser.

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Curtas para adoçarem o coração.

Cara nova!