Postagens

Mostrando postagens de Dezembro, 2010

Feliz ano novo , feliz ano velho!

Imagem
É, finalmente chegamos ao último dia do ano!  Devo dizer que esse não foi um ano fácil, nem para mim e, muito menos, para todas as pessoas que eu conheço.  Esse ano enfrentamos os mais serios dos desafios; nesse ano eu sai de casa e fui fazer uma faculdade a 600 km de distancia de tudo o que eu sempre amei. Esse ano eu deixei de escrever no meu blog por achar que não valia mais a pena escrever. Esse ano eu deixei de ser uma criança chorona e mimada para ser o que sou agora. O que eu sou agora? Nada, sou simplesmente NADA. E o melhor é que eu estou feliz por isso!  Estranho? Deveras... Creio que esse ano inteiro tenha sido estranho. Mas estou feliz por ter tido forças suficientes para realizar tudo o que sempre quis. Só posso dizer que ainda tenho medo do que há de vir, mas tenho coragem suficiente para seguir em frente!
2011 promete ser uma ano mágico e repleto de surpresas. Estou feliz por estar chegando esse tempo novo, pois agora é a vez dos meus amigos mostrarem ao mundo quem ele…

Pensamentos, desculpas e talvez um motivo plausível para escrever.

Eu deveria deixar que as palavras chegassem a mim com a maior facilidade possível. Devia parar de pensar sobre o que é ou não é legal escrever. As pessoas não buscam mais textos que digam o que de bom acontece na atualidade, para isso existem jornais e sites jornalísticos. De fato, eu não deveria me preocupar com o que as pessoas procuram. Eu nunca fui assim, por que começar agora? Não sei sobre o que eu deveria escrever,ou sobre o que interessaria mais as pessoas que, por um grande acaso, encontrassem esse blog. É claro que não sou tão pessimista quanto ao fato de meu blog ter apenas alguns seguidores, eu gosto disso. São pessoas que gostam do que eu escrevo e do meu ponto de vista em relação as coisas que vejo, ouço e sinto nesse minha louca vida. Creio que no fundo esse é o motivo pela qual eu voltei. Pensando bem não consegui ficar nem mesmo 2 meses sem escrever aqui, faz parte de mim agora. Acho que vou trocar de música, pois a cada vez que ele aumenta o ritmo da música eu come…

Deixe-me sonhar

Imagem
Deixe-me sonhar que somos assim, felizes. Um casal.
Deixe-me pensar que posso deitar em seus braços e esquecer que o hoje não mais existe.
Deixe-me sonhar em, simplesmente estar com você
Deixe-me sonhar que somos mais do que aparentamos
Deixe-me sonhar que nada no mundo é mais forte do que seus sentimentos por mim
Deixe-me pensar que seu coração bate mais forte quando me vê
Deixe-me sonhar que ter você como meu será o meu melhor presente
Deixe-me sonhar que ser sua será o meu segundo melhor presente
Deixe-me sonhar com cada abraço
Deixe-me sonhar com cada beijo
Deixe-me sonhar com cada despedida
Deixe-me sonhar com cada volta.
Mas, por favor, deixe-me sonhar que você nunca irá embora de meus sonhos.


Eu devia...

Imagem
Eu devia ter postado alguma coisa sobre o Natal. Eu devia ter mesmo pensado em algo para dizer-lhes sobre essa data tão especial. Mas eu não o fiz. Não há problema, farei agora! Natal, época do ano destinada a festejar (para alguns) o nascimento de Cristo (e para outros) a união e felicidade. Para mim, a comemoração do ano, dia em que a minha familia se reune e deixa as diferenças de lado para, simplesmente, sermos felizes. Natal, época em que as pessoas(deveriam) parar de pensar em si mesmas e pararem para pensar em outros. Não sei se sou a pessoas certa para dizer como é o Natal, acho que um video (uma propaganda melhor dizendo) explica muito melhor como me sinto em relação a essa data. Feliz Natal para todos!

Sem pensar, tentando sobreviver.

Não sei bem o porque estou aqui, na frente desse computador, na página de nova postagem. Eu não tenho o que escrever, e nem mesmo sei o que pensar. O mundo parece confuso agora, e ele não me diz exatemente o que acontecerá comigo daqui para frente.  Eu sempre pensei que estava no controle de tudo, pensava que eu tinha certeza de como seria a minha vida. Mas com o passar do tempo descobri que sou só mais uma garota nesse mundo maluco tentando viver sem pensar ou chorar!  Ás vezes penso que eu deveria fazer a diferença, devia me filiar ao Greenpeace e mudar o mundo radicalmente. Porém, ás vezes, percebo que não nasci para mudar o mundo dessa maneira e que as coisas não são conseguidas no tapa ou no grito. Então tento viver minha vida.. Normalmente!

Coisas antigas.

Imagem
Eu tenho um fraco por coisas antigas, tanto que a minha disciplina favorita na escola foi história. Eu teria feito História na faculdade, porém algo de força maior me fez escolher Biblioteconomia, mas isso é assunto para outro post.  Convenhamos, coisas que aconteceram antes de nós tendem a ser intrigantes. Pense bem, nunca saberemos a história na integra, pois cada individuo na mesma a conta de uma maneira diferente. Mas podemos salientar que sabemos de poucas coisas e essas são incríveis. A única parte da história a qual não sou, vamos assim dizer, apaixonada é a época das cavernas. Não sei, acho primitivo e desestimulante demais para mim. Mas as outras épocas são uma fonte de inspiração para tudo o que acontece na atualidade. Hoje, em especial, eu estou escrevendo  sobre isso porque ganhei uma daquelas bonecas de papel, sabe aquelas que nossas mães brincavam quando crianças. Ou  aquelas que nossas avós brincavam quando crianças. Eu tenho bonecas de papel, bonecas de pano e vário…

Domingos (in) felizes em família.

Imagem
Todo domingo, independentemente de cada família, parece ter sido marcado como o dia especial da mesma. Sim, todos os santos domingos parecem ser dias em que cada santa família decide que deve se reunir para comemorar não-sei-o-quê. Não que eu não goste da minha família, pois eu gosto, não gosto de ser obrigada a passar certo tempo com eles quando eu na verdade quero estar fazendo outras coisas. Brincadeira, eu amo passar um tempo com eles, mas creio que esse tempo poderia ser passado de outra maneira. Dependendo do dia meu pai e minha mãe decidem “secretamente” realizar um churrasco na minha casa. Mas não é aquele churras em que toda a família é convidada, até mesmo porque minha família é grande demais para caber em minha amável residência. Então, participam do “churras” eu, meus pais e meus irmãos. Muito prático. Meu pai monta a churrasqueira na varanda, meus irmãos ajudam minha mãe a montar a mesa, meu pai liga o som e logo de inicio começa o pagode. Pode-se notar que não há na…

Principe ou Vampiro?

Outro dia sonhei com um príncipe, mas percebi (no meio do caminho) que ele tinha caninos maiores do que o normal. Hesitei... "Será que ele percebeu?". Sim, ela havia percebido. Mas preferi não dizer nada, ele só olhou nos meus olhos. O mundo desapareceu... Senti como se o tudo sumisse.
Olhei de volta, e percebi que meu sub-concisente estava ali, alerta. Ao mesmo tempo, percebi que não corria risco algum com ele. Senti segurança, controle, confiança.
Oh, Meu Deus... Será que é o certo? Eu não devia esperar pelo meu príncipe?  " Você esta bem, Anna?" Ele me perguntou "Hum.. Ah! Desculpe-me distraí. O que você me perguntou?" Respondi "Perguntei se você está bem." Ele me disse, se aproximando de mim "Sim, estou ótima" Respondi sustentando o meu olhar. "Você quer vir comigo?" Hesitei novamente, se ele realmente quisesse já teria conseguido.  "Quero".

Mudando de assunto: Promoção!

Olá pessoas.

Hoje vamos mudar um pouco, todos sabem que eu adoro livros romanticos que me fazem chorar no final. Então o Blog Linda e Culta está fazendo uma promoção com o livro Querido John de Nicholas Sparks. É só vocês preencherem o formulário, serem seguirdores do blog, divulgar a promoção e pronto. Só esperar o resultado.
Vamos lá, não custa nada.
Para ver melhor sobre o que eu estou falando é só clicar aqui.

Beijos e beijos

Tentar ser o que não é!

Ser diferente é moda agora. Desejar ser outra pessoa é moda há muito tempo. Mas se você parar para pensar, talvez, ser outra pessoa não seja tão bom assim!  Pense bem, todas as pessoas tem problemas. Não somente você, não somente eu. Acontece que as pessoas as quais sempre quisermos ser tem problemas diferentes que para nós não aparentam ser problemas. Você me entende? Pergunto porque as vezes sinto como se não estivesse sendo clara o suficiente sobre o que digo. Enfim, o que quero dizer é que tentar ser como outras pessoas, as vezes é uma péssima ideia. Aqueles que são famosos tem suas vidas invadidas diariamente por pessoas que não se preocupam com eles e sim com seu dinheiro. Pessoas não famosas podem ser divididas em milhares de grupos, das quais não vou dispor aqui pois isso seria enormemente tedioso.  Ser você mesmo oferece um risco mortal, pode machucar, irritar e até matar. Existem milhares de contradições e complicações, pois o que eu aprendi sobre ser eu mesma é que existem…

Certas vezes

Imagem
Em certas vezes o mundo dá voltas. E nesse tempo ele revela coisas que sempre estiveram em nossa frentes, mas que  nunca tivemos coragem de encarar. Esse teclado é uma delas, ele esteve em minha frente o ano todo. E eu tentei fugir dele assim como o diabo foge da Cruz.  Fugi por medo, medo de que minhas palavras me traíssem. Medo de que elas revelassem o medo que eu senti por estar longe de tudo aquilo que sempre me protegeu do mundo lá fora. No momento em que percebi que estava para afundar eu fugi daqui, senti que não deveria machucar os outros.  Não estou certa do que sinto agora, ou do que eu deveria sentir. Sei que não sou mais aquela menina que montou esse blog há quase dois anos atrás. Eu sofri, chorei e fugi de quem eu realmente me tornei. Agora eu sei que sou perfeccionista, maluca, chata, irritante, quase neurótica com o meu peso e com como eu me pareço para as pessoas. Creio que, olhando agora, eu sempre tenha sido assim. Talvez eu só não tivesse antes a coragem para admit…

Get Ready!

Só posso dizer: SE PREPAREM.

O que eu precisava era da minha casa, acho que ainda posso escrever como antes ou talvez melhor.

Se preparem, eu vou voltar!