Nunca imaginei que um dia pensaria assim.

Quando eu estava na 8 serie eu não me dava muito bem com as pessoas que formavam a minha turma, dos quase 40 alunos somente 1 era( ou ainda é) meu amigo, meu melhor amigo na verdade. Quando eu me formei no ensino fundamental senti uma felicidade imensa, pois eu sabia que não precisaria levantar cedo e gastar 4 horas do meu dia olhando para a cara de pessoas que eu não gostava(ainda não gosto) e que não gostavam(ou não gostam) de mim. Mas olhando para fotos da minha turma actual, eu me sento deslocada, sinto como se meu lugar não fosse ali no meio deles. Não que eu pense que eu não mereço estar no pessoas tão adoráveis, à julgar pelo que eu passei durante 8 anos da minha vida eu até mereço, mas é como se outra pessoa devesse estar ali, não eu, nunca eu. Mesmo quando essas mesmas pessoas são tão especiais para mim, naquelas fotos eu sou a única que parece não pertencer ali. Até na hora de conversar e dar risada sobre algo, eu não me encaixo bem. As vezes penso que minha vida é parecida com a de Zoey Redbird de House of night, no inicio ela não se encaixava em lugar nenhum, nem em casa e muito menos na escola, mas um dia ela foi marcada e daí em diante sua vida mudou, ela encontrou o lugar onde ela realmente se encaixava, o lugar onde ela brilhava. Falando em lugar para brilhar, um belo exemplo de mulher que encontro o seu lugar é Bella Swan da saga Crepúsculo, no inicio ela nunca fora boa em nada em especial, já que as pessoas não ganham prémios por ler livros, mas no fim ela encontrou não só o homem perfeito para ela, mas também o lugar aonde ela pertencia. No fundo mesmo, é só isso o que eu quero, eu não quero nada alem disso. Eu quero um lugar onde eu não me sinta deslocada como me sinto agora, quero um lugar que todas as vezes que veja uma foto minha eu possa perceber que ali é onde devo ficar, um lugar onde tudo faço o mínimo de sentido. E não, eununca pensei que sentiria falta daquela época em que eu só tinha um amigo, por que por mais que pareca dificil, não é nada dificil, pelo contrario com ele eu sempre me senti bem. Ele é uma das poucas pessoas que eu sinto muita falta.
"Could you remind me of a time When we were so alive. Do you remember that?" (Tradução) "Você pode me lembrar dos tempos Quando eramos tão vivos. Você se lembra disso?"

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

A cada minuto.

Curtas para adoçarem o coração.